Região de Dourados tem geada e até -1ºC na 2ª semana mais fria do ano

| HELIO DE FREITAS, DE DOURADOS / CAMPO GRANDE NEWS


Geada sobre palhas de milho no município de Rio Brilhante (Foto: Diego Batistoti/RB Notícias)

A segunda semana mais fria do ano começou com temperatura negativa e formação de geada na região de Dourados. Assim como a fronteira com o Paraguai, a região é a mais fria de Mato Grosso do Sul.

Em Rio Brilhante (a 163 km de Campo Grande), a líder em frio nesta segunda-feira (19), geou forte e a temperatura mínima real foi de 1,7 grau negativo às 5h40, segundo o Guia Clima, da Embrapa Agropecuária Oeste.

Já em Dourados (a 233 km da Capital), onde não há chuva considerável há quase 40 dias, a mínima registrada pela estação agrometeorológica da Embrapa foi de 1,1 grau positivo às 4h44. A geada foi de intensidade média, segundo a empresa.

Às 6h30 a temperatura ainda continuava abaixo de 2 graus na sede da Embrapa, onde fica a estação. Já na Avenida Hayel Bon Faker, no Jardim Água Boa, o termômetro marcava 3ºC.

Em Ivinhema (a 282 km de Campo Grande), onde a Embrapa também mantém estação agrometeorológica, a mínima foi de 2,3 graus às 4h44, com geada de intensidade média.

Ponta Porã (a 323 km da Capital, na fronteira com o Paraguai), sempre citada como uma das cidades mais frias do Estado, teve mínima de 3 graus hoje, também com formação de geada.

Os efeitos da massa de ar frio de origem polar que chegou ao Brasil devem continuar durante boa parte da semana. O frio intenso é previsto também para amanhã, com mínima entre 2 e 4 graus na região de Dourados.