Na Libertadores, Renato Gaúcho usa camisa da seleção Argentina em homenagem a Maradona

A homenagem teve repercussão internacional

| MIDIAMAX


Renato Gaúcho com a camisa da Argentina em homenagem a Maradona. (Foto: Reprodução/Lucas Uebel/Grêmio)

Os amantes do futebol e principalmente torcedores do Grêmio, repararam uma cena inusitada na partida de quinta-feira (26) contra o Guarani pela Libertadores da América.

Renato Portalupi estava usando uma camiseta da seleção Argentina, homenageando o ídolo Diego Maradona, morto na última quarta-feira (25), após uma parada cardiorrespiratória.

A homenagem teve repercussão internacional, e o conhecido jornal argentino Olé não ficou de fora e classificou o gesto como ‘um acontecimento sem precedentes’.

“Um técnico brasileiro dirigir um jogo da Libertadores com a camisa da Argentina? Sim, incrível. Aconteceu nesta quinta à noite. Um acontecimento sem precedentes que só Diego Maradona poderia ter causado', escreveu o diário.

O corpo de Maradona foi enterrado na noite de ontem, na presença de amigos e familiares, no cemitério Jardín de Bella Vista, localizado na periferia de Buenos Aires.