Untitled Document
 
 
E-mail: adautodias@msn.com
 
 
 
10 de Abril de 2018 às 15h06min
Após vandalismo, associação diz que não vai tolerar judiciário maculado; fato aconteceu em Dourados
A calçada também foi marcada com a frase ‘Lula Livre’ e até a estátua da deusa Têmis acabou manchada pela tintura.
Dourados News

        Estátua ficou completamente manchada de tinta - Crédito: Vinícios Araújo 

 A Amamsul (Associação dos Magistrados de Mato Grosso do Sul), emitiu nota na tarde desta segunda-feira (9/4) repudiando a ação de vândalos que mancharam as paredes do Fórum de Dourados com tinta vermelha. O caso teria ocorrido pela madruigada. 

Conforme a Associação, as decisões do Poder Judiciário não gozam de coloração partidária ou ideológica. Na semana passada, a Justiça expediu ordem de prisão contra o ex-presidente Lula após o STF (Supremo Tribunal Federal) negar o pedido de Habeas Corpus de sua defesa. 

Ele foi condenado a 12 anos um mês lavagem de dinheiro e corrupção passiva. 

A calçada também foi marcada com a frase ‘Lula Livre’ e até a estátua da deusa Têmis acabou manchada pela tintura.

Ainda em seu posicionamento a Amamsul diz que não vai tolerar que a imagem da Justiça seja maculada. 

"Qualquer parte ou terceiro interessado tem o direito de questionar as decisões através dos meios legais, mas jamais será tolerada ação que venha macular a imagem do Poder Judiciário e de seus membros, nem tampouco que possam, de alguma forma, causar dano ao patrimônio público", diz trecho da nota. 

Veja a nota:

A Associação dos Magistrados de Mato Grosso do Sul (AMAMSUL), pela presente, manifesta seu total repúdio a conduta de terceiros em manchar as paredes do fórum da Comarca de Dourados com tinta vermelha.
 
As decisões do Poder Judiciário são, pela Constituição Federal, tomadas com base na lei e devidamente fundamentadas, não gozando de coloração partidária ou ideológica! 

Qualquer parte ou terceiro interessado tem o direito de questionar as decisões através dos meios legais, mas jamais será tolerada ação que venha macular a imagem do Poder Judiciário e de seus membros, nem tampouco que possam, de alguma forma, causar dano ao patrimônio público. 

Assim, ao mesmo tempo que a AMAMSUL reafirma seu apoio e total confiança na magistratura brasileira, ressalta a importância do respeito às instituições nacionais, sobretudo ao Poder Judiciário, responsável pela manutenção da ordem e do Estado de Direito! 


 
Notícias Recentes
Polícia fecha rinha de galo em Dourados e homem é multado em mais de R$ 16 mil
Acidente na MS-141 deixa duas pessoas feridas
Traficante foge da polícia e abandona 752 quilos de maconha para não ser preso
No interior, consumidor é obrigado a esperar mais de 2 horas na fila de agências
Motorista é preso transportando 83,5 quilos de cocaína e armas com os filhos
Rapaz é encontrado enforcado às margens da MS-156 em Itaporã e policia investiga
   
 

2006 - 2012 © - Glória News - Todos os direitos reservados.
As notícias veiculadas nos blogs, colunas e artigos são de inteira responsabilidade dos autores.
Desenvolvido por: Ribero Design - tecnologia&internet